a beira do abismo_fundo.jpgÀ BEIRA DO ABISMO é um podcast de entrevistas criado em Janeiro de 2017 por Rui Alves de Sousa, jovem imberbe que, em tempos que já lá vão, tomou as rédeas do programa de rádio universitários UM LANCE NO ESCURO, talk-show com 60 episódios em que se cruzou com as mais diversas figuras da cultura e sociedade portuguesas – como Camané, Rui Zink e o Batatinha. Também produziu programas de outras pessoas e fez umas espécies de curtas-metragens, e ainda escreveu para blogs e sites como o Espalha-Factos, a Máquina de Escrever e a Take Cinema Magazine. A nível profissional (a.k.a. o que dá dinheiro) passou por uma livraria, pela Feira do Livro de Lisboa, pela Universal Music Portugal e pela RTP… África. Hoje trabalha na JumpCut, produtora de cinema do realizador Miguel Gonçalves Mendes, onde dá uma assistência aos projectos da produtora. Ah, e co-apresenta o ESCOLHE TU! com o Tiago Laranjo, outro podcast mas que é uma tertúlia cinéfila assim meio manhosa.

À BEIRA DO ABISMO é feito de forma independente e já teve várias vidas – mas na sua essência, é um programa de entrevistas que não quer ser convencional, com pessoas mais ou menos conhecidas da nossa praça.

Durante uns 10 anos, o Rui manteve um blog chamado Companhia das Amêndoas. Desiludido com o facto de nunca ter sabido dar uma coerência a esse estaminé, decidiu fechá-lo em 2019. Mas na ânsia de teclar mais umas coisas que ninguém deseja pôr a vista em cima, decidiu pegar no blog criado para a partilha do podcast nas várias plataformas, dando-lhe uma arrumadela e aproveitando para lhe proporcionar uma nova vida mais dinâmica, que será como complemento ao podcast – incluindo detalhes de bastidores, mas também opinações sobre outras temáticas.